Início | Varejo | SUA LOJA TEM UM CALENDÁRIO PROMOCIONAL?

Varejo

SUA LOJA TEM UM CALENDÁRIO PROMOCIONAL?

Regina Blessa

Publicado em 09/09/2013 às 16:52

lojista deve se acostumar a anotar mensalmente ou quinzenalmente o faturamento, o ticket médio e a quantidade aproximada de pessoas que entram em sua loja.

Depois, observar quais os meses mais fortes e mais fracos de venda e tentar desvendar o porquê.

Daí fazer um calendário nos meses fracos para trazer mais público e nas datas tradicionais para se manter bem com seus clientes.

Uma dica boa é observar seus concorrentes mais próximos (aqueles que podem afetar seu movimento) e controlar o calendário promocional deles também.

O benchmarking (que significa copiar os outros com classe) é uma observação normal. Se for copiar alguma promoção que você viu, tente mudar alguma coisa e, por favor, copie as boas ações.

Existem muitos varejistas que copiam, por copiar, sem sequer conferir os resultados de retorno dos outros. Se você não tiver certeza, não copie, seja original.

O que é um calendário promocional?

Um calendário promocional é o planejamento das ações de promoção, merchandising e propaganda feitas pela loja durante o ano.

Planejar o que se pretende fazer é muito importante para a saúde promocional da loja.  

Qual a importância de se fazer um calendário promocional para o pequeno varejista?

Precisamos ter os números controlados tanto de previsões pretendidas como os de resultados obtidos em cada ação, assim saberemos se elas valem a pena ou não. Quem não tem o controle de seu calendário está geralmente dando chutes no ar. É importante saber o que sua concorrência próxima faz, se resultado, saber o que seu publico gostaria de participar, e saber que quando precisamos dar uma aquecida nos negócios.

Quais os fatores ele deve estar atento para se planejar junto às datas comemorativas?

As datas comemorativas chamam a atenção dos consumidores mais facilmente, pois as datas estão em nosso calendário tradicional. Quando não se faz nada, passamos em branco e deixamos os concorrentes aparecerem mais do que nós.

É importante participar do que está na expectativa da população circulante em nossa loja. Outra coisa é criar datas da loja quando não se espera. Por exemplo: aniversário da loja, liquidação relâmpago, quinzena de ofertas etc.

Com quanto tempo de antecedência ele deve começar a fazer as mudanças no estabelecimento para as datas mais importantes do ano (férias, páscoa,  natal etc)?

Veja o exemplo dos panetones. Começamos a comê-los em outubro e isso não assustou ninguém, certo? Sempre que uma data se aproximar deveremos estar adiantados pelo menos um mês para obter um bom retorno no período.

Enfeitar uma loja duas semanas do natal  é mostrar que se é atrasado.

Quais as dicas básicas para o varejista com pouco orçamento obter um lucro mínimo neste calendário promocional?

A - Planejar com antecedência e com pessoal disponível exclusivamente para a ação.

B - Fazer apenas o que sua verba permitir, mas não dar brindes ruins como alguns que as pessoas nem querem receber.

C - Informe o seu consumidor sobre o que ele realmente vai ganhar. Não enrole com frases do tipo “Compre e ganhe uma surpresa”. Você pode frustrar o ganhador que tinha uma ideia de “surpresa” diferente.

D - Aproveite para fazer um cadastro rápido dos participantes, com um cupom com apenas nome, telefone, e-mail e CEP (para localizar a região).

E - Não complique a ação com mecânicas que afastam os participantes. Seja o mais simples possível.

F - Uma promoção longa deve durar apenas três meses, depois disso vai cair no comum. O ideal são promoções mensais de categorias diferentes de produto.

G - Peça ajuda de algum fornecedor que possa ajudar na promoção.

H - Faça uma boa comunicação de sua promoção, senão passará despercebida.

Quais as promoções indicadas que têm pouca chance de dar erradas durante as datas de maior movimentação?

1- Compre isso e leve aquilo.

2- Leve 3 e pague 2.

3- Na compra de três peças, ganhe a quarta de graça.

4- Oferta de preço - só esta semana, ou só hoje.

5- Quinzena disso ou daquilo (anunciadas uma semana antes)

6- Preço promocional até o fim do estoque! 

E outras que dão uma ideia imediata e sem complicação para os consumidores.

Quando se entende na primeira olhada e se compreende que há benefício sim na compra, o consumidor entra imediatamente na ação.

Seja honesto com o consumidor, que ele responderá sendo fiel a sua loja para sempre.

Regina Blessa feed/rss ver artigos deste(a) colunista

Regina Blessa

Varejo

Doutoranda em design pela Universidade de Aveiro-Portugal, é mestre em Ciências da Comunicação pela USP, com graduações em Propaganda e em Belas Artes, com cursos de marketing na Columbia University, Fundação Getulio Vargas e New York University. É consultora e palestrante especializada em ponto-de-venda. Autora dos livros Merchandising no Ponto-de-Venda e Merchandising Farma. (www.blessa.com.br) Dê sua opinião sobre este artigo ou faça sugestões para nossos colunistas, envie seu e-mail.
 

Artigos Relacionados

voltar

Titulo: SUA LOJA TEM UM CALENDÁRIO PROMOCIONAL?

Destinatário(s)
Seus dados
Código de Validação:*
(*) Preencha o código de validação corretamente.

Titulo: SUA LOJA TEM UM CALENDÁRIO PROMOCIONAL?

Mensagem de Erro

Esta é a área central para comunicação entre revendas, distribuidores e fabricantes com a equipe da PartnerSales.
Incentivamos as mensagens de nossos leitores com sugestões de pautas, críticas, elogios ou reclamações.

Seus dados
Código de Validação:*
(*) Preencha o código de validação corretamente.

© Copyright PartnerSales - O site focado em parcerias de negócios e estratégias de vendas. Todos os direitos reservados. Outros nomes de companhias, produtos e serviços podem ser marcas registradas ou marcas de serviços de outros.

Sydow Marketing