Início | Comportamento | Por que alguns conseguem vender mais?

Comportamento

Por que alguns conseguem vender mais?

Alberto Lira

Publicado em 06/10/2014 às 15:23

Neste período pós-Copa do Mundo e pré-eleição, acredito que um dos assuntos recorrentes quando se comentam sobre os negócios é a respeito das incertezas sobre o crescimento do país e consequentemente os impactos na economia em toda a cadeia produtiva, principalmente para os próximos anos.

E em meio a comentários e percepções surge sempre a pergunta:

Como serão as vendas no próximo ano? Se fulano ganhar as eleições, se beltrano perder?

Independente das tendências, uma coisa é certaNós estaremos inseridos em quaisquer que seja o contexto. E no final seremos nós os responsáveis por nossos deveres e obrigações, em outras palavras, nós é que continuaremos pagando as nossas contas.

Outro dia, enquanto treinava uma equipe de vendas, percebi o pessimismo por parte de alguns participantes em relação ao futuro das vendas. Em certo momento alguém me fez a grande pergunta:

Qual sua opinião sobre o mercado para o próximo ano? Teremos mais negócios?

Pelo tom e expressão, percebi que aquilo o incomodava profundamente, e respondi com uma estratégia que acredito ser importante e que vem me favorecendo no alcance de minhas metas e objetivos.

 

Na realidade, era um questionamento recheado de afirmações e sentimento de certeza, sobre como seria difícil o mundo dos negócios para 2015.

Antes de responder, refleti sobre os pensamentos de Blase Pascal – filósofo francês do século XV, famoso por defender a teoria de que: “Vale mais a pena acreditar que Deus existe do que ser ateu”. Segundo ele, acreditar que Deus existe nos trará mais benefícios do que não acreditar.

Vale mais a pena acreditar que você pode do que acreditar que você não pode! Se você acreditar que não pode, seus ganhos serão finitos. Se você acreditar que pode, seus ganhos serão infinitos. Deixando a filosofia e as crenças de lado, respondi aquele questionamento com a seguinte narrativa:

Bem, é fato que o mercado está preocupado e sinalizando momentos difíceis, entretanto o que vale mais a pena acreditar?

Sempre que pensamos em algo, disparamos automaticamente os sentimentos correspondentes e consequentemente comportamentos compatíveis ao que estamos sentindo.

 

Não podemos generalizar, entretanto conhecemos pessoas, algumas intimamente, que diante a um cenário negativo se paralisam e deixam de crescer e evoluir.

Como isto acontece?

 

É um processo simples e testado por todos os seres humanos, natural e previsível, onde pensamentos tornam-se sentimentos que geram comportamentos.

Quando acreditamos que o mercado será ruim, tais pensamentos negativos nos tornam mais frágeis, sem criatividade, irritados, sem esperança, sem foco etc. Consequentemente altera-se nossa comunicação para uma perspectiva que pode nos paralisar. E em muitas ocasiões deixamos de perceber as várias oportunidades que em outra perspectiva, seria percebida por qualquer um de nossos sentidos.

Quando estamos em estado de pessimismo, recebemos as informações do mundo exterior e potencializamos os aspectos negativos. Nossos filtros estão sujos, e portanto, limita o nosso campo de visão. Quando os filtros se tornam mais limpos, o foco muda do campo problema para o “como” encontrar a solução e quais os meios necessários: determinação, disciplina, conhecimento, foco etc.

Imagine que o resultado de uma grande pesquisa revelasse que amanhã seria o dia do ano mais propício e aquecido para as vendas. Tratava-se de algo cíclico e que dependia de fatores e combinações lunares para que ocorresse novamente.

 

Imagine ainda que esta informação foi validada pelas mais importantes instituições e órgãos reguladores mundiais de pesquisas. Como você reagiria a esta notícia?

 

Como você acordaria pela manhã?

 

Que horas você sairia de casa para visitar os clientes?

 

Como seria o seu planejamento?

 

Quanto você se prepararia para cada apresentação de vendas?

 

Para cada negociação?

 

De que forma você perceberia as necessidades dos clientes?

 

Quantos clientes você estaria disposto a ajudar?

 

Que tipo de conhecimento seria necessário desenvolver para quando chegar este grande dia.

 

A boa notícia é que este dia pode ser hoje e alguém está acreditando nisso e colherá os frutos, Não apenas pelo fato de acreditar, mas pelo simples processo de: pensarsentir e se comportar.

 

A notícia é... Bem, quem precisa de más notícias? Para que elas servem? Vai cara! Pra cima!

Alberto Lira feed/rss ver artigos deste(a) colunista

Alberto Lira

Comportamento

MASTER & Executive COACH: Certificado internacionalmente pelo BCI (Behavioral Coaching Institute – EUA) e ICC (Internacional Coaching Council – EUA), como Master Coach, através da SBCoaching e atua no aprimoramento de executivos e times como Executive & Leadership Coach. Palestrante motivacional nas áreas de Vendas e Liderança - coautor do livro Coaching para Alta Performance pela editora Ser Mais. Dê sua opinião sobre este artigo, ou faça sugestões para nossos colunistas, envie seu e-mail.
 

Artigos Relacionados

voltar

Titulo: Por que alguns conseguem vender mais?

Destinatário(s)
Seus dados
Código de Validação:*
(*) Preencha o código de validação corretamente.

Titulo: Por que alguns conseguem vender mais?

Mensagem de Erro

Esta é a área central para comunicação entre revendas, distribuidores e fabricantes com a equipe da PartnerSales.
Incentivamos as mensagens de nossos leitores com sugestões de pautas, críticas, elogios ou reclamações.

Seus dados
Código de Validação:*
(*) Preencha o código de validação corretamente.

© Copyright PartnerSales - O site focado em parcerias de negócios e estratégias de vendas. Todos os direitos reservados. Outros nomes de companhias, produtos e serviços podem ser marcas registradas ou marcas de serviços de outros.

Sydow Marketing