Início | Planejamento Estratégico | 2018.

Planejamento Estratégico

2018.

Moises Bagagi

Publicado em 07/08/2017 às 16:01

O ano já começou...

O mercado está cada vez mais dinâmico e mais competitivo. As empresas precisam – e devem – reagir a cada dia com mais agilidade às mudanças, tendências e vontade dos clientes. Contudo, não basta ser veloz em relação ao mercado, pois as empresas não podem reagir de qualquer maneira, sob pena de cometerem erros fatais para sua continuidade competitiva.

Para isso, é necessário planejar com muito cuidado e critério todas as ações que se pretende tomar. Há três pontos fundamentais que devem ser analisados para um planejamento assertivo:

Estudo de mercado: fundamental entender o que está ocorrendo, buscando informações precisas sobre os clientes, concorrentes, parceiros, cenário econômico e político, novas tecnologias e tendências.

Estrutura interna: muitas empresas não têm a exata noção do que são e quais são as suas capacidades. Neste momento, é preciso olhar pra dentro e buscar entender qual a capacidade produtiva/comercial, produtos e serviços oferecidos, custos e despesas, estoques, margens, carteira de clientes, fornecedores, colaboradores e parceiros.

Visão de longo prazo: a busca por uma melhor condição no mercado exige que a empresa tenha clareza de quais objetivos irá perseguir. É importante notar que, muitas empresas sólidas deixaram de existir por  não terem um plano de longo prazo. Mais do que ganhar dinheiro no presente, perpetuar o negócio no futuro agregando valor a uma marca ou produtos é fundamental para o crescimento e perenidade do negócio.

Ou seja, é importante analisar o que está ocorrendo neste momento e planejar o futuro. E rápido. Você acredita que já passamos da metade de 2017? Logo mais, outra Copa do Mundo será realizada (sim, já faz três anos desde os 7X1).

 

Por isso, 2018 já começou!

 

O plano estratégico já está pronto? As diretrizes para o orçamento já foram discutidas? Já se sabe em quais mercados sua empresa irá atuar? Quanto vai investir e faturar? Quais produtos serão lançados?

Não basta reagir com velocidade. Empresa que somente reagem às situações de mercado correm sérios riscos. Empresas que agem com base em planejamento, crescem. E como se comporta sua empresa?

 

Moises Bagagi feed/rss ver artigos deste(a) colunista

Moises Bagagi

Planejamento Estratégico

É consultor empresarial, com expertise em planejamento, finanças empresariais, e controladoria estratégica. Possui larga vivência em reengenharia de processos, administração e governança corporativa. Economista, com especializações em finanças empresariais e planejamento tributário (Mackenzie, PUC) e MBA (FIA). É professor de economia, finanças e empreendedorismo nos cursos de graduação da UNIESP. Possui mais de 10 anos de experiência profissional na área financeira. É sócio-diretor da Opportunity Consult e CFO da M2BS Consultores Associados, realizando palestras e treinamentos nos temas de empreendedorismo, gestão financeira e planejamento estratégico
 

Artigos Relacionados

voltar

Titulo: 2018.

Destinatário(s)
Seus dados
Código de Validação:*
(*) Preencha o código de validação corretamente.

Titulo: 2018.

Mensagem de Erro

Esta é a área central para comunicação entre revendas, distribuidores e fabricantes com a equipe da PartnerSales.
Incentivamos as mensagens de nossos leitores com sugestões de pautas, críticas, elogios ou reclamações.

Seus dados
Código de Validação:*
(*) Preencha o código de validação corretamente.

© Copyright PartnerSales - O site focado em parcerias de negócios e estratégias de vendas. Todos os direitos reservados. Outros nomes de companhias, produtos e serviços podem ser marcas registradas ou marcas de serviços de outros.

Sydow Marketing