Início | Opinião | De onde e como você quer trabalhar? Entenda como a tecnologia colabora e molda o trabalho remoto

Opinião

De onde e como você quer trabalhar? Entenda como a tecnologia colabora e molda o trabalho remoto

Publicado em 21/12/2017 às 13:00

Por Alex Takaoka, diretor de vendas e serviços da Fujitsu Brasil

 

Não é mais novidade que a tecnologia tem transformado a forma de fazer negócios dentro e fora das organizações. Além de interferir na entrega dos resultados, as ferramentas que as empresas adotam afetam, também, o desempenho dos colaboradores da empresa.

Mais avançado no mercado europeu e americano, um conceito que tem se destacado cada vez mais no Brasil, e se tornou tendência na indústria de Tecnologia da Informação, é o “Workplace Anywhere” (local de trabalho em qualquer lugar, em tradução livre). Pessoas conectadas a todo momento, de qualquer lugar, conseguem acompanhar reuniões, analisar resultados, entregar projetos e colaborar livremente – tudo sem comprometer os resultados e a segurança dos dados da organização.

O conceito é excelente e tentador, mas vem acompanhado de diversas perguntas e receios. Como nos preparar para tal mudança? Como preparar nossos colaboradores? O que eles esperam? Por onde começar? Como medir os resultados de uma iniciativa dessas? Uma breve reflexão e análise do cenário atual nos ajuda na tomada de decisões e escolha da melhor estratégia, então vamos lá?

 

Linha do tempo: As gerações e o conceito de local de trabalho

Em pouco tempo, a tecnologia transformou o mundo ao nosso redor e em vários aspectos nós já estamos “vivendo o futuro”. Há cerca de 10 anos, os escritórios eram caracterizados por equipes bem divididas e as reuniões eram majoritariamente presenciais, salvo as exceções feitas por meio de telefonemas ou computadores conectados a algum sistema de mensageria. O investimento em tecnologias era majoritariamente justificado pela redução de custos e/ou melhoria dos resultados, sendo que na área de colaboração on-line a qualidade de conexão e segurança eram limitações que nos prendiam a esse modelo de trabalho.

Ao observar o cenário atual, vemos uma evolução vertiginosa da conectividade e dispositivos, tornando o mundo de negócios um cenário onde prospera quem é mais ágil e responde as mudanças, e não necessariamente o maior. O mercado está cada vez mais dinâmico e agora o foco não pode ser apenas em redução de custo de propriedade, mas também focar em aumento de produtividade, mobilidade e agilidade que são características de todas as empresas de ótimos resultados.

A facilidade, qualidade e capacidade de processamentos dos dispositivos móveis evoluí exponencialmente, sendo esse um dos fatores tecnológicos que impulsionou o conceito de trabalho remoto. Com isso, uma nova geração 100% do tempo conectada, e, portanto, acostumada com o conceito do imediato, instantâneo, agora chega ao mercado de trabalho cheia de expectativas e experiências próprias: os Millenials. Com seus smartphones, não apenas determinada pela idade, está acostumada a essa forma dinâmica de atuar, tornando o ambiente de trabalho mais colaborativo, dinâmico e simples, apoiando-se em tecnologias acessíveis a um click na loja virtual, seja ela qual for.

E, finalmente, isso converge para a ideia de bring your own device (ou traga seu próprio equipamento, em tradução livre), onde os profissionais terão maior liberdade de escolher por qual dispositivo irão se conectar, com acesso completo a todos os recursos. Assim, o local de trabalho pode ser qualquer lugar! Vale escritório, restaurantes, residência e até mesmo parques, sem a preocupação do meio e sim o foco no objetivo, resultado.

Naturalmente uma parcela significativa desse conceito é baseado em computação na nuvem, para facilitar o acesso a todo material de trabalho, garantindo escalabilidade e segurança para ferramentas de videoconferência, realidade aumentada, salas virtuais, aplicações e conteúdos utilizados no dia a dia pelas equipes.

 

Implementar de forma segmentada

Existem soluções específicas para cada modelo de negócio e objetivos traçados de investimento e retorno esperados. O que auxilia a determinar um caminho viável é fixar conceitos simples como o número de funcionários abrangidos, a quantidade de informação, a localização e a forma desse conteúdo, levando a um atendimento personalizado para as necessidades do cliente. O segredo é focar em geração de resultado: comece por exemplo, com as equipes de trabalho que precisam de mobilidade e acesso remoto a informações, como executivos e força de vendas. Em seguida, foque em um conceito diferente, grandes volumes de usuários com acessos amplamente padronizados como, por exemplo, áreas de suporte, call center e assim por diante.

Invista em soluções de Gerenciamento de Dispositivos Móveis (MDM, na sigla em inglês), Virtualização de Desktops (VDI), além de pilares tecnológicos como Cloud, Big Data, Integração de Sistemas, Segurança da Informação, Internet das coisas (IoT), Realidade aumentada. Eles trazem economia de tempo e apresentam recursos para aumento da produtividade, redução de custo, aumento da margem de rentabilidade e mais segurança. A gestão centralizada desses recursos torna a tarefa de reagir a ameaças virtuais como Ramsonwares mais ágil e eficaz.

 

E o futuro?

Nos convencer de que os escritórios vão deixar de existir na forma que existem hoje é uma tarefa bastante simples, basta olhar ao redor e ver como interagimos hoje. Várias empresas já adotam o conceito de trabalho remoto – algumas não têm mais escritório ou mesa fixa, por exemplo, use a mais próxima ou mais conveniente ao seu dia. E, apesar de continuar existindo uma relação social, o que puder ser feito de formas alternativas, mais produtivas vai crescer, porque isso significa também, redução de custo e qualidade de vida.

E como uma última dica, antes de entrar de cabeça, lembre-se de mensurar riscos, pois se hoje temos uma grande capacidade de rede de dados e soluções que aumentam a segurança (antes apontada como um fator limitador), ainda enfrentamos dificuldades para adotar tal mindset. A legislação brasileira ainda dificulta bastante esse modelo de negócio, apesar da reforma trabalhista, o que leva as empresas a procurar alternativas para se reinventar e permitir que isso seja viável, por isso cabe a elas encontrar soluções que automatizem processos e aumentem o desempenho – transformando-se para se adaptar a este cenário e responder positivamente a essa nova realidade.

 

 

 

voltar

Titulo: De onde e como você quer trabalhar? Entenda como a tecnologia colabora e molda o trabalho remoto

Destinatário(s)
Seus dados
Código de Validação:*
(*) Preencha o código de validação corretamente.

Titulo: De onde e como você quer trabalhar? Entenda como a tecnologia colabora e molda o trabalho remoto

Mensagem de Erro

Esta é a área central para comunicação entre revendas, distribuidores e fabricantes com a equipe da PartnerSales.
Incentivamos as mensagens de nossos leitores com sugestões de pautas, críticas, elogios ou reclamações.

Seus dados
Código de Validação:*
(*) Preencha o código de validação corretamente.

© Copyright PartnerSales - O site focado em parcerias de negócios e estratégias de vendas. Todos os direitos reservados. Outros nomes de companhias, produtos e serviços podem ser marcas registradas ou marcas de serviços de outros.

Sydow Marketing