Início | Planejamento Estratégico | Escolhas estratégicas

Planejamento Estratégico

Escolhas estratégicas

Moises Bagagi

Publicado em 12/03/2018 às 17:25

Estamos vivenciando uma era de grandes transformações, em diversos campos e de diversas maneiras. A tendência é buscar a inovação. Inovação é o que vai separar as empresas de sucesso das empresas fracassadas nos próximos anos. Porém, tudo isso nos remete às questões históricas sobre a matéria, dado que o ser humano e as instituições evoluem – sempre – de maneira alinhada com o momento social, político e econômico.

Não que o ceticismo quanto ao extremo entre sucesso e fracasso nos leve ao comodismo, muito menos a crença fervorosa nos leve ao desespero. Mas devemos pautar os negócios dentro do bom senso. E o bom senso, requer a formulação de estratégias.

Basicamente, há duas estratégias dominantes no mercado: preço e diferenciação. A primeira é uma escolha com foco no custo enquanto a segunda, na qualidade.

Quando uma empresa decide competir com seus preços, precisa ter muito claro que a busca por eficiência operacional, baixos custos e produção (vendas) em larga escala é o mínimo que se deve fazer. Também deve aceitar que a ponta final – cliente – irá se decidir basicamente pelo preço, gerando a comoditização dos produtos da sua empresa.

Quando a empresa decide competir com diferenciação, precisa ter claro que investimentos em qualidade, atendimento, posicionamento de marca e desenvolvimento serão mandatórios. Por parte dos clientes, a escolha se dará baseado na experiência de compra e exclusividade. O preço é secundário.

Qual a melhor estratégia? Qual rende maiores retornos? Qual será determinante para o sucesso no longo prazo?

 

Na verdade, estas respostas não existem, ou pelo menos, não diretamente. Será necessária que uma análise mais apurada sobre o negócio – mercado, perfil dos clientes, região e necessidades – seja muito bem executada. Ou seja, dependendo do que a empresa almeja, a estratégia pode mudar. O que não funciona é tentar agradar a “gregos e troianos” mesclando as duas estratégias, pois há de ser que a perda na escala ou na qualidade afete os retornos.

 

Escolher faz parte da gestão. Para uma boa gestão, um bom planejamento é fundamental. Dessa forma, estude muito bem seu negócio e escolha uma estratégia.

 

 

 

Moises Bagagi feed/rss ver artigos deste(a) colunista

Moises Bagagi

Planejamento Estratégico

É consultor empresarial, com expertise em planejamento, finanças empresariais, e controladoria estratégica. Possui larga vivência em reengenharia de processos, administração e governança corporativa. Economista, com especializações em finanças empresariais e planejamento tributário (Mackenzie, PUC) e MBA (FIA). É professor de economia, finanças e empreendedorismo nos cursos de graduação da UNIESP. Possui mais de 10 anos de experiência profissional na área financeira. É sócio-diretor da Opportunity Consult e CFO da M2BS Consultores Associados, realizando palestras e treinamentos nos temas de empreendedorismo, gestão financeira e planejamento estratégico
 

Artigos Relacionados

voltar

Titulo: Escolhas estratégicas

Destinatário(s)
Seus dados
Código de Validação:*
(*) Preencha o código de validação corretamente.

Titulo: Escolhas estratégicas

Mensagem de Erro

Esta é a área central para comunicação entre revendas, distribuidores e fabricantes com a equipe da PartnerSales.
Incentivamos as mensagens de nossos leitores com sugestões de pautas, críticas, elogios ou reclamações.

Seus dados
Código de Validação:*
(*) Preencha o código de validação corretamente.

© Copyright PartnerSales - O site focado em parcerias de negócios e estratégias de vendas. Todos os direitos reservados. Outros nomes de companhias, produtos e serviços podem ser marcas registradas ou marcas de serviços de outros.

Sydow Marketing