Asyst International registra crescimento de 22% em 2010

Asyst International, empresa global de TI especializada em Service Desk, encerrou o ano de 2010 com um crescimento de 22%, faturando R$ 61 milhões. Para 2011, a expectativa da empresa é atingir uma receita de R$ 70 milhões. A conquista de 15 clientes e a expansão internacional da companhia, que ampliou sua presença na América Latina e inaugurou sua operação na Inglaterra, o que ajudou nos bons resultados.
 
“O ano de 2010 foi muito importante para a Asyst International. Acredito que com a consolidação dos negócios e o bom momento que o segmento de serviços vive, conseguimos solidificar ainda mais a nossa operação no Brasil e na América Latina, o que permitiu a nossa expansão para o mercado europeu”, comemora Francisco Ricardo Blagevitch, presidente da Asyst International. O executivo ainda destaca que, ao longo do ano, além das novas contas, a empresa renovou e ampliou contratos com os clientes que já possuem em carteira. Atualmente, a empresa atende 100 grandes companhias em todo o mundo.
 
A companhia também ampliou suas estruturas no Brasil, onde passou a ocupar novos andares do prédio em que possui suas instalações, e na Argentina, inaugurando uma nova unidade em Buenos Aires. “Essa ampliação já é uma preparação para um crescimento ainda maior que prevemos para os próximos anos. Somos um país promissor para o setor de TI, que deve conquistar ainda mais espaço no mercado global por ter em seu DNA a prestação de serviços e preços competitivos. Sem dúvidas, o Brasil tem potencial para se tornar hub mundial de serviços de Service Desk”, afirma Blagevitch.

O crescimento da empresa deve-se muito ao à projeção do IDC de que o setor de serviços de TI da América Latina deve movimentar US$ 21,3 bilhões em 2011, o que representará aumento de 9,2% em relação ao ano passado. De acordo com a consultoria, o segmento de outsourcing de TI será o que registrará o crescimento mais sólido neste ano, aproximadamente 11,5%. No primeiro semestre de 2010, o setor de serviços terceirizados de TI faturou US$ 3 bilhões, cifra que representou uma expansão de 24% na comparação com o mesmo período de 2009.
 
Segundo Blagevitch, outro fator importante para a conquista dos bons resultados é o fato da empresa ser a primeira brasileira a obter a certificação ISO 20.000, com projetos certificados em 12 clientes, em 32 endereços.

A PHP Error was encountered

Severity: Notice

Message: Undefined variable: LGPD

Filename: views/inc_rodape.php

Line Number: 161

Backtrace:

File: /home/storage/9/cb/3b/partnersalesbeta/public_html/app/views/inc_rodape.php
Line: 161
Function: _error_handler

File: /home/storage/9/cb/3b/partnersalesbeta/public_html/app/controllers/Modulo.php
Line: 127
Function: view

File: /home/storage/9/cb/3b/partnersalesbeta/public_html/index.php
Line: 195
Function: require_once