Damovo do Brasil anuncia reestruturação interna
A Damovo, líder na oferta de soluções e serviços para o mercado corporativo de Tecnologia da Comunicação e Informação, anuncia que está promovendo uma reestruturação interna e acaba de criar uma diretoria específica para serviços e de contratar três novos executivos. As mudanças no Comitê Executivo Central da integradora fazem parte de um conjunto de ações que serão colocadas em prática durante o segundo semestre deste ano.
 
Para assumir sua diretoria de Vendas, a Damovo trouxe Caio Graccho, executivo de negócios com cerca de 30 anos de carreira, que já passou pela alta gerência de empresas como Xerox e Canon, e foi sócio co-fundador da Diveo, da Geodex e da .comDominio. Graccho chega à companhia com o objetivo principal de promover o incremento dos negócios e aumentar a presença da Damovo em segmentos estratégicos do mercado brasileiro.
 
Os executivos Roberto Araújo e Décio Garcez são os outros dois novos nomes da Damovo. Araújo assume a diretoria de Finanças e Administração, enquanto Garcez passa a liderar a diretoria de Gestão de Pessoas & Informações. Antes de vir para a integradora, Araújo atuou em empresas como a Comsat-British Telecom e a IBM. Já Garcez vinha atuando como consultor na área de Recursos Humanos, depois de ter passado pela Johnson & Johnson e Carlson Wagonlit Travel.
 
A nova diretoria de Serviços será liderada por Rogério Redondo, que ocupava o cargo de diretor comercial antes desta reestruturação. Artur Borges, até então responsável pela diretoria de Marketing e Operações passa a dirigir a área de Operações e Alianças Estratégicas.
 
Segundo Alberto Ferreira, presidente da Damovo do Brasil, a Damovo pretende evoluir os serviços que já oferece aos seus clientes. “As mudanças estruturais que estamos promovendo no Comitê Executivo Central irão aprimorar nossas práticas de negócios”, diz. “Esses novos nomes trazem uma grande experiência e visão de mercado, e estas serão aliadas à nossa cultura de credibilidade no atendimento das necessidades de nossos milhares de clientes no país”.
 
Artur Moraes Borges, 57 anos, é graduado em Engenharia Elétrica e Eletrônica pela Escola de Engenharia Mauá (SP) e especializado em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas (SP). Possui, em seus 35 anos de carreira, longa experiência nos setores de Telecomunicações e Serviços de Redes Convergentes, tendo iniciado suas atividades na Ericsson, que se tornou Matec, Ericsson Enterprise e, posteriormente, Damovo do Brasil.
 
Caio Graccho, 50 anos, é graduado em Administração de Empresas pela Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP) e tem especialização em Ciência da Computação. Possui 30 anos de experiência na área de negócios, tendo ocupado posições de alta gerência em empresas multinacionais, como Xerox e Canon. Foi sócio co-fundador de empresas, como Diveo, Geodex e .comDominio, em projetos capitaneados por fundos de investimentos de renome internacional, como J.P.Morgan, GP e Goldman Sachs.
 
Décio Garcez, 50 anos, é graduado em Administração de Empresas pela ESAN, da Escola Superior de Negócios (FEI). Com mais de 30 anos de carreira, possui longa experiência nos setores de TI e Telecomunicações, tendo atuado em empresas como Johnson & Johnson, Multi Cable Tecnologia de Redes e Carlson Wagonlit Travel.
 
Roberto Araújo, 45 anos, é graduado em Engenharia de Sistemas pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) e pós-graduado em Engenharia Econômica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Com mais de 20 anos de carreira, possui longa experiência nos setores de TI, Telecomunicações, Distribuição e Serviços, e já atuou em empresas como IBM, Informix, Peoplesoft e Comsat-British Telecom.
 
Rogério Fonseca Redondo, 54 anos, é graduado em Engenharia de Produção pela Faculdade de Engenharia Industrial e especializado em Administração Mercadológica pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Em seus mais de 30 anos de carreira, atuou nos setores de TI, Telecomunicações e Serviços, e assumiu diversas funções gerenciais, nas áreas de Engenharia, Marketing, Vendas e Serviços, na Ericsson.