Dell Technologies celebra 20 anos no Brasil com o objetivo de trazer valor agregado aos clientes com a presença de Michael Dell, CEO e fundador da companhia
Companhia contou com a presença de Michael Dell, CEO e fundador da fabricante, no Dell Technologies Fórum que discorreu sobre a importância dos dados para o mercado corporativo


Com o tema: “Real Transformation empower people simplify security” em tradução livre: “A transformação real capacita as pessoas e simplificar a segurança”, a Dell Technologies comemorou duas décadas de sua presença no Brasil, em evento realizado ontem no  Expo Transamérica,  em São Paulo.
Na ocasião, os executivos da empresa fizeram uma retrospectiva da atuação companhia no país ao lembrar da  entrada oficial em 1999,  com uma operação de fábrica de desktops em Eldorado do Sul, Rio Grande do Sul, anos depois a companhia apostou em servidores para depois entrar no mercado de notebooks. A fabricante aposta em dispositivos confiáveis, infraestrutura confiável e dados confiáveis para acelerar a inovação, permitindo assim mais negócios ao ecossistema.
Na abertura do fórum, onde o mote principal era o papel da tecnologia moderna na capacitação profissional, Greg Bowen, CTO e vice-presidente sênior da Dell mencionou a importância dos dados no mundo dos negócios, afinal  até 2025, a expectativa é de 163 zetabytes de dados trafegados. “De drones a redes sociais, plataformas e apps, o que segura tudo isso no mesmo lugar são dados, por isso é fundamental a segurança. Desde o surgimento da era dos computadores até o ano de 2018, a IDC estimou que produziríamos apenas 18 zetabytes neste período. Já é hora de vermos a tecnologia não como um gasto, mas como um recurso. Dados são renováveis, inacabáveis e sempre produzimos mais e mais rapidamente. Fazer dados virarem ação é um dos passos mais difíceis da transformação digital. Mas hoje, felizmente, temos o poder computacional para processar e armazenar tudo isso, criando sistemas de máquinas que conversam entre si”.
Luis Gonçalves, presidente da Dell Technologies Brasil, em sua plenária, discorreu sobre a cultura da empresa de transformação. “A tecnologia deve ser usada como vetor de transformação para toda a cadeia, o Brasil representa a 10ª economia do setor de TI e é um dos principais mercados globais para nós. Temos uma equipe pronta para atender a todos e um portfólio completo e inovador. Hoje, somos líderes em mercados-chave no país, incluindo servidores, hiperconvergência, notebooks e desktops”, afirma.
Um dos pontos altos da comemoração foi o discurso de Michael Dell, fundador da Dell, que destacou a importância da inteligência artificial para o melhor aproveitamento dos dados. “Com todos os dados que temos e tecnologias como 5G, inteligência artificial, deep learning e redes neurais, podemos hoje fazer mais do que já imaginamos”, ressalta. 

Em relação das transformações que a empresa enfrentou em seus 35 anos e quais enfrentará no futuro, o executivo afirma que o desafio é se adaptar a  transformação que é constante no mercado. “Os próximos 30 ou 35 anos serão ainda mais animadores por causa da transformação digital, mas precisamos ser mais inteligentes ao utilizar os dados. A jornada digital está apenas começando e se você não usar dados em sua vantagem, você falhará”, sintetiza.