Paessler apresenta PRTG Enterprise Monitor que auxilia as corporações a monitorarem  redes com mais de 30.000 dispositivos digitais
Continuidade dos negócios de grandes empresas é assegurada por plataforma que monitora da infraestrutura da rede aos contratos SLA

 

 A Paessler, empresa especializada em monitoração de redes, anuncia o lançamento do PRTG Enterprise Monitor. É uma solução sob medida para empresas que precisam monitorar grandes infraestruturas de TI com milhares de dispositivos. Com o PRTG Enterprise Monitor, a Paessler oferece um modelo de licenciamento por assinatura customizado para grandes usuários de TI. O valor da licença gira sobre o número de sensores implementados no ambiente de TI a ser monitorado, sem limite de instalações nos servidores que sejam necessários. A licença do PRTG Enterprise Monitor inicia com um mínimo de 30.000 sensores.

 

Segundo Helmut Binder, CEO da Paessler, o PRTG Enterprise Monitor é uma plataforma que suporta escalação máxima, cobrindo todo o ambiente digital da empresa usuária. A nova solução incorpora todos os benefícios do PRTG clássico: facilidade de uso, licenciamento simples e amplo conjunto de recursos. O PRTG Enterprise Monitor é uma solução poderosa e de boa relação custo-benefício para monitorar grandes ambientes de TI de maneira simples e fácil. “Nossa meta é, por meio dessa nova solução, continuar a suportar a nossa base de clientes – gigantes em franca expansão de seus ambientes digitais tanto em número de sensores como em criticidade da rede”. O PRTG Enterprise Monitor é uma solução de monitoramento que se destaca pela multiplicidade de recursos, usabilidade e condições de licenciamento. “É uma oferta que resolve os desafios de monitoração enfrentados pelas equipes de TI de grandes corporações”, resume Binder.
Todas as licenças do PRTG Enterprise Monitor incluem o monitoramento de desempenho da rede, infraestrutura, aplicações, bancos de dados, armazenamento, ambientes virtuais, bem como infraestruturas médicas, ambientes de lojas físicas e configurações com sensores IoT. A plataforma inclui, ainda, funcionalidades contra falhas e um número ilimitado de mecanismos de pesquisas da rede.

 

Isso permite que as equipes de TI de grandes empresas, frequentemente responsáveis por administrar múltiplos locais com data centers, escritórios, subsidiárias e lojas, consigam estabelecer uma visão geral central de toda a sua infraestrutura. Isso é feito com uma única solução e sem necessidade de módulos adicionais ou uso de outras tecnologias.

O PRTG Enterprise Monitor inclui o ITOps Board, da Martello Technologies, que adiciona à configuração de PRTG uma visão geral central orientada a serviços. Esse recurso pode ser usado, também, com múltiplos servidores PRTG. O ITOps Board reduz de maneira significativa o ruído de múltiplos alertas, acrescentando analytics avançados e monitoramento e relato geral de SLA (Service Level Agreement, Contrato de Nível de Serviço) à plataforma da Paessler.

Pontos principais do lançamento
 
Painéis de controle multi-servidores

 

O ITOps Board exibe dados de um ou múltiplos servidores PRTG em painéis centrais em tempo real. É uma interface de fácil construção, com base em serviços e de acordo com o perfil do funcionário. 

Monitoramento de serviços de negócio

O ITOps Board coleta alertas e notificações de um ou múltiplos servidores PRTG e os correlaciona por serviços de negócio. Isso oferece uma visão geral central orientada a serviços.

 

Gerenciamento automatizado de alertas
 

Com base em serviços de negócio, o ITOps Board filtra e concentra alertas. A meta é reduzir e focar o ruído de alertas naquilo que realmente interessa.

 

Modelagem e monitoramento de SLA 

O ITOps Board define SLOs (Objetivos de Nível de Serviço) para cada serviço de negócio definido pelo gestor de TI. Com base nessas configurações de SLO, a plataforma calcula e exibe o desempenho e a disponibilidade de SLAs. O ITOps Board envia advertências antes de um SLA ser rompido, dando às equipes de TI tempo para reagir e corrigir a falha, evitando, assim, uma séria violação do SLA.
Além do ITOps Board e de features existentes focadas na empresa, como sensores para NetApp, Cisco ou dispositivos HPE, a Paessler já implementou novos sensores Nutanix em sua plataforma em fevereiro.